Comentário para o Estadão no Ar: A máfia da mão grande

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Pocket
WhatsApp

Vanessa Graziottin, gramática da neolíngua da República Popular do Brasil, disse que Dilma era uma presidenta inocenta. Depois que ela foi condenada por crimes de responsabilidade e perdeu o cargo numa votação a que compareceram todos os 81 senadores, por 61 votos a favor de seu impeachment e 20 contra, ela passou a ser de vez uma ex-presidenta delinquenta. E o Brasil inovou ao premiar pela primeira vez na Justiça um criminoso condenado por colegiado a gozar de privilégios em vez da pena de inabilitação para função pública.

(Comentário para o Estadão no Ar da Rádio Estadão – FM 92,9 – na quinta-feira 1 de setembro de 2016, às 7h14m)

Para ouvir clique no link abaixo e, aberto o site da emissora, 2 vezes no play sob o anúncio em azul

http://radio.estadao.com.br/audios/detalhe/radio-estadao,o-vertice-do-triangulo-da-conspiracao-mafiosa-no-senado-e-tema-da-coluna-direto-ao-assunto,628090

Para ouvir no Blog do Nêumanne, Política, Estadão clique no link abaixo

http://politica.estadao.com.br/blogs/neumanne/privilegios-em-vez-de-pena/

Facebook
X
LinkedIn
Pinterest
Telegram
WhatsApp

Nunca perca nenhuma notícia importante. Assine a nossa newsletter.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

José Nêumanne Pinto

Blog

Jornal Eldorado

Últimas Notícias

Últimas Notícias