Comentário no Jornal Eldorado: Quem mandou matar Bolsonaro?

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Pocket
WhatsApp

Pedido feito pela PF para prorrogar por 15 dias sua investigação a respeito da facada desferida pelo servente de pedreiro e pedagogo (?!) Adélio Bispo de Oliveira no candidato do PSL à Presidência da República, Jair Bolsonaro, dá a entender que a autoridade policial age em relação ao fato como se fosse corriqueiro, quando na verdade é um atentado à liberdade e à democracia. Empurrar com a barriga o inquérito até as vésperas da eleição é uma irresponsabilidade que acende a luz amarela em relação aos encarregados e a seu chefe, o boquirroto ministro da Segurança, Raul Jungmann. A Nação precisa ser informada da forma mais transparente e completa de tudo o que cerca essa tentativa de interferir no processo eleitoral.

(Comentário no Jornal Eldorado da Rádio Eldorado – FM 107,3 – na sexta-feira 21 de setembro de 2018, às 7h30m)

Para ouvir, clique no play abaixo:

Ou clique no link abaixo:

https://soundcloud.com/jose-neumanne-pinto/neumanne-210918-direto-ao-assunto

Para ouvir no Blog do Nêumanne, Política, Estadão, clique no link abaixo:

https://politica.estadao.com.br/blogs/neumanne/quem-mandou-matar-bolsonaro/

Abaixo, os assuntos para o comentário da sexta-feira 21 de setembro de 2018

1 – Haisem – A que conclusão você chegou ao tomar conhecimento de que a Polícia Federal pediu ao juiz do processo contra o servente de pedreiro e pedagogo Adélio Bispo de Oliveira, que esfaqueou Jair Bolsonaro, mais 15 dias para concluir o inquérito e adiantou que ele deve ter praticado o crime sem ajuda de ninguém?

2 – Carolina – Na sua opinião, a revista britânica The Economist tem razões editoriais para tratar o primeiro colocado nas pesquisas Ibope e Datafolha para a Presidência da República, Jair Bolsonaro, como uma ameaça de simpatia por ditadura na América Latina e uma perspectiva de governo desastroso no Brasil?

3 – Haisem – O que pode ter inspirado o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso a escrever uma copiosa carta, na qual não se limita a apoiar o candidato de seu partido à Presidência, o ex-governador Geraldo Alckmin, mas também adverte que “ainda há tempo para deter a marcha da insensatez”?

4 – Carolina – O que você acha que levou os candidatos à Presidência do PT, Fernando Haddad, e do PSDB, Geraldo Alckmin, a reviverem no debate realizado esta noite no santuário de Nossa Aparecida pela TV Aparecida a polaridade dos dois partidos justamente neste momento da campanha?

5 – Haisem – Você acha que o Ministério Público Eleitoral tem razão ou está exorbitando ao reclamar na Justiça da participação do preso mais famoso do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva, nas campanhas de seu partido, o PT, nos horários dedicados no rádio e na televisão à campanha, nas quais aparece a frase Haddad é Lula?

6 – Carolina – Qual a novidade que pode estar desenterrando agora uma denúncia apresentada pelo ex-procurador-geral da República, Rodrigo Janot, e que preocupa muito o Palácio do Planalto, por envolver o presidente Michel Temer e seus ministros Moreira Franco e Eliseu Padilha?

7 – Haisem – O que você sentiu quando viu a imagem nos meios de comunicação da metralhadora ponto 50 apreendida pela policia no Rio de Janeiro?

8 – Carolina – Que novidades o Blog do Nêumanne traz hoje na série Nêumanne entrevista?

Facebook
X
LinkedIn
Pinterest
Telegram
WhatsApp

Nunca perca nenhuma notícia importante. Assine a nossa newsletter.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

José Nêumanne Pinto

Blog

Jornal Eldorado

Últimas Notícias

Últimas Notícias